20 de janeiro de 2010

Resenhas e recados

Pois é, gente, muita coisa pra fazer, pouco tempo, muita vontade de postar..

Primeiro, quero comentar sobre o que li e assisti nesses últimos dias, pode ser? Será um breve resumo, fiquem tranquilos..


O SOM DO CORAÇÃO
Caríssimos, esse filme é fofo demais!!
Eu estava a fim de assisti-lo desde que vi o trailer/thriller (ah, dane-se, não sei como que se escreve), em janeiro de 2008. Então, tem uns dois.
O filme é lindo, conta a história de um garotinho muito lindinho que foi criado num orfanato e sonha em encontrar os pais. E como ele luta para chegar ao seu objetivo? Pela música.
Nota 9,0. O final precisava de mais umas duas cenas pra ser 10.







A TRISTEZA DO JECA
Sim, mamãe me fez assistir esse filme pré-histórico com ela. Ela chegou na locadora, viu na prateleira e não largou mais. E olha que engraçado, o filme é bom!
Sérião. Acho que todos os professores de história deveriam ser obrigados a passá-lo para seus alunos.
O que eu assisti mostrava como funcionava o voto de cabresto, a política dos coronéis no começo do século passado. Muito interessante.
Agora eu entendo porque isso fez tanto sucesso naquela época. Se hoje é bom, imagina quando ninguém tinha sequer tv?
Nota 9,5. Poderia ser um pouquinho mais engraçado.




HARRY POTTER E O ENIGMA DO PRÍNCIPE
Eu queria ter ido ver esse no cinema, mas na época meu pai implicou, dizendo que eu ia pegar gripe suína e morrer. Bom, agora que já vi posso dizer: acabaram com a história.
HP e o Enigma do Príncipe tinha sido o meu livro preferido da série. Foi super engraçado. Mas no filme, com todos aqueles cortes e ajustes, ficou muito estranho. Parece uma história paralela. O que houve com a química Harry e Gina? Quem assistiu ao filme e não leu o livro, deve ser super contra esse romance. Parece mais que o Harry tá a fim da Hermione, fala sério.
Nota: 5,0




500 DIAS COM ELA
Nessas horas eu amo morar num fim de mundo com uma locadora pirata. Fala sério, onde mais eu conseguiria pegar esse filme por 0,99? Juro que eu queria ver no cinema. Mas o filme não chegou nem em Niterói nem em São Gonçalo. Fui na da locadora mesmo.
Cara, esse filme é BOM demais!!!
Mostra a vida real, sabe? Tipo, nem tudo é felizes para sempre. Mas o meio da história pode ser legal. E é óbvio que eu me identifiquei MUITO com as paranóias do Tom, ele é doido e lunático feito eu. Recomendo super.
Nota: 9,8. Descontei 0,2 porque ele tem muito essa coisa de ir e voltar no tempo. Fala sério, qual a graça de ver o filme que você viu o final na cena anterior?




Amiguinhos, esse livro é bom demais!! Hoje me sinto envergonhada de nunca ter ouvido falar dele antes. Mas foi só eu vê-lo na Saraiva do Plaza, ler a sinopse, e me interessei. Depois, foi só eu passar na máquina de preços e ver que custava apenas 19,00 e pronto, me apaixonei. Pelo formato de bolso, pelas 280 páginas gordinhas, pela sinopse, pelo precinho..
Comprei em novembro, junto com O futuro da humanidade. Ele e o livrinho do Augusto Cury formaram a minha dupla dinânimca do vale-presente que ganhei de aniversário. Brincando com o Perigo tem como protagonista a Cléo, uma adolescente muito legal (ela é super parecida com a Jessica de 1800-where-are-you?, da Meg Cabot) que não é nada popular. Ela e seu padrasto, o delegado Louis Levesque, vão desvendar um mistério. Ou melhor, dois. Quem anda fazendo de tudo pra arruinar a reputação de Cléo com o professor Green? E quem anda arrombando os chalés? A princípio, esses mistérios podem parecer pouco interessantes. Mas basta ler o livro pra saber que são muito bons. Você fica preso do começo ao fim, confie em mim.(rimou, sentiu?). e vocês imaginam a minha alegria ao descobrir que Cléo e Levesque têm uma série de livros, todos escritos pela Norah McClintock.
Nota? 9,9. Faltou uma gotinha de romance.

Recados!!!

- Gente, esse ano é o meu último da escola, tem vestibular. vou postar pouco e estudar mais. Mas juro que não vou abandonar o blog!

- Queridos seguidores. Saibam que eu estou SEMPRE lendo o que vocês postam! Nem sempre dá pra comentar, mas eu sempre leio, e quero PARABENIZAR a todos vocês. eu tenho o time de seguidores com os blogs mais legais.

- Tão vendo esse um bilhão de promoções aqui do lado? É pra vocês participarem também, viu? Existem muitos blogs máras que fazem sorteios de livros super interessantes. Participem também!

- Ah, e último recado: Jei Oliveira, é tu mesmo baiana, estou sempre no seu blog mas nunca consigo comentar. A janela fica travada, e não aparece a janela pra gente digitar aquelas letrinhas chatas de confirmação. Dá uma olhada lá. Esse foi o único jeito que eu tive para te avisar!

beeijos!

2 comentários:

  1. HP 6 ficou horrível meeesmo! Concordo plenamente, e gostei das recomendações ;D
    beeeijo grande!

    ResponderExcluir
  2. faltou mesmo um pouco de romanse ela poderia tr ficado com Roger

    ResponderExcluir

20 de janeiro de 2010

Resenhas e recados

Pois é, gente, muita coisa pra fazer, pouco tempo, muita vontade de postar..

Primeiro, quero comentar sobre o que li e assisti nesses últimos dias, pode ser? Será um breve resumo, fiquem tranquilos..


O SOM DO CORAÇÃO
Caríssimos, esse filme é fofo demais!!
Eu estava a fim de assisti-lo desde que vi o trailer/thriller (ah, dane-se, não sei como que se escreve), em janeiro de 2008. Então, tem uns dois.
O filme é lindo, conta a história de um garotinho muito lindinho que foi criado num orfanato e sonha em encontrar os pais. E como ele luta para chegar ao seu objetivo? Pela música.
Nota 9,0. O final precisava de mais umas duas cenas pra ser 10.







A TRISTEZA DO JECA
Sim, mamãe me fez assistir esse filme pré-histórico com ela. Ela chegou na locadora, viu na prateleira e não largou mais. E olha que engraçado, o filme é bom!
Sérião. Acho que todos os professores de história deveriam ser obrigados a passá-lo para seus alunos.
O que eu assisti mostrava como funcionava o voto de cabresto, a política dos coronéis no começo do século passado. Muito interessante.
Agora eu entendo porque isso fez tanto sucesso naquela época. Se hoje é bom, imagina quando ninguém tinha sequer tv?
Nota 9,5. Poderia ser um pouquinho mais engraçado.




HARRY POTTER E O ENIGMA DO PRÍNCIPE
Eu queria ter ido ver esse no cinema, mas na época meu pai implicou, dizendo que eu ia pegar gripe suína e morrer. Bom, agora que já vi posso dizer: acabaram com a história.
HP e o Enigma do Príncipe tinha sido o meu livro preferido da série. Foi super engraçado. Mas no filme, com todos aqueles cortes e ajustes, ficou muito estranho. Parece uma história paralela. O que houve com a química Harry e Gina? Quem assistiu ao filme e não leu o livro, deve ser super contra esse romance. Parece mais que o Harry tá a fim da Hermione, fala sério.
Nota: 5,0




500 DIAS COM ELA
Nessas horas eu amo morar num fim de mundo com uma locadora pirata. Fala sério, onde mais eu conseguiria pegar esse filme por 0,99? Juro que eu queria ver no cinema. Mas o filme não chegou nem em Niterói nem em São Gonçalo. Fui na da locadora mesmo.
Cara, esse filme é BOM demais!!!
Mostra a vida real, sabe? Tipo, nem tudo é felizes para sempre. Mas o meio da história pode ser legal. E é óbvio que eu me identifiquei MUITO com as paranóias do Tom, ele é doido e lunático feito eu. Recomendo super.
Nota: 9,8. Descontei 0,2 porque ele tem muito essa coisa de ir e voltar no tempo. Fala sério, qual a graça de ver o filme que você viu o final na cena anterior?




Amiguinhos, esse livro é bom demais!! Hoje me sinto envergonhada de nunca ter ouvido falar dele antes. Mas foi só eu vê-lo na Saraiva do Plaza, ler a sinopse, e me interessei. Depois, foi só eu passar na máquina de preços e ver que custava apenas 19,00 e pronto, me apaixonei. Pelo formato de bolso, pelas 280 páginas gordinhas, pela sinopse, pelo precinho..
Comprei em novembro, junto com O futuro da humanidade. Ele e o livrinho do Augusto Cury formaram a minha dupla dinânimca do vale-presente que ganhei de aniversário. Brincando com o Perigo tem como protagonista a Cléo, uma adolescente muito legal (ela é super parecida com a Jessica de 1800-where-are-you?, da Meg Cabot) que não é nada popular. Ela e seu padrasto, o delegado Louis Levesque, vão desvendar um mistério. Ou melhor, dois. Quem anda fazendo de tudo pra arruinar a reputação de Cléo com o professor Green? E quem anda arrombando os chalés? A princípio, esses mistérios podem parecer pouco interessantes. Mas basta ler o livro pra saber que são muito bons. Você fica preso do começo ao fim, confie em mim.(rimou, sentiu?). e vocês imaginam a minha alegria ao descobrir que Cléo e Levesque têm uma série de livros, todos escritos pela Norah McClintock.
Nota? 9,9. Faltou uma gotinha de romance.

Recados!!!

- Gente, esse ano é o meu último da escola, tem vestibular. vou postar pouco e estudar mais. Mas juro que não vou abandonar o blog!

- Queridos seguidores. Saibam que eu estou SEMPRE lendo o que vocês postam! Nem sempre dá pra comentar, mas eu sempre leio, e quero PARABENIZAR a todos vocês. eu tenho o time de seguidores com os blogs mais legais.

- Tão vendo esse um bilhão de promoções aqui do lado? É pra vocês participarem também, viu? Existem muitos blogs máras que fazem sorteios de livros super interessantes. Participem também!

- Ah, e último recado: Jei Oliveira, é tu mesmo baiana, estou sempre no seu blog mas nunca consigo comentar. A janela fica travada, e não aparece a janela pra gente digitar aquelas letrinhas chatas de confirmação. Dá uma olhada lá. Esse foi o único jeito que eu tive para te avisar!

beeijos!

2 comentários:

  1. HP 6 ficou horrível meeesmo! Concordo plenamente, e gostei das recomendações ;D
    beeeijo grande!

    ResponderExcluir
  2. faltou mesmo um pouco de romanse ela poderia tr ficado com Roger

    ResponderExcluir